Anuncie no Artigo Científico
MEU CADASTRO      
Artigos - Artigo Científico
Envie um Artigo
Busca avançada
Categorias
Últimos artigos enviados
Artigos mais procurados
Artigos - Artigo Científico
Pesquisadores - Artigo Científico
Busca avançada
Últimos cadastrados
Mais procurados
Pesquisadores - Artigo Científico
Quem - Artigo Científico
Sobre o WebSite
Como Participar
Quem - Artigo Científico
Canal Científico - Artigo Científico
Cadastre-se
Envie um Artigo
Canal Científico - Artigo Científico
Publicidade - Artigo Científico
Como Apoiar
Publicidade
Divulgue nosso WebSite
Publicidade - Artigo Científico
Faleconosco - Artigo Científico
Dados Físicos
E-mail
Contato Direto
Administração
Faleconosco - Artigo Científico
Ajuda - Artigo Científico
Perguntas freqüentes
Ajuda - Artigo Científico
 
PALAVRA-CHAVE ÁREA DE CONHECIMENTO  
 BUSCA AVANÇADA

 
Sucção digital: observação em ultra-sonografia e em recém-nascidos
Evaluation of digital sucking by prenatal ultrasound and in newborns
AUTORES
[ TENóRIO, Maria Dânia Holanda ]
[ ROCHA, José Elias Soares da ]
,
[ FRAGA, Angelina Bossi ]
[ TENóRIO, Diene Maria Holanda ]
[ PEREIRA, Pakiza Santos ]
CATEGORIA
Ciências da Saúde
[ Medicina ] [ Odontologia ]
PUBLICIDADE
RESUMO
OBJETIVO: Observar a sucção digital ou da mão em fetos, identificar os fatores relacionados à gravidez de importância para sua manifestação e identificar, após o nascimento do bebê, a permanência da sucção digital. MATERIAIS E MÉTODOS: Dois exames de ultra-sonografias fetais foram realizados em 55 gestantes, nos períodos de 20–24 e 25–32 semanas. Para avaliar os fatores relacionados à gravidez, foram utilizados questionários. Para identificar a permanência da sucção digital, visitas foram realizadas uma semana após o nascimento. RESULTADOS: A sucção digital foi detectada na maioria dos fetos, exceto em 20. Estatisticamente não houve diferenças significativas entre estado de saúde da gestante e o grau de aceitação da gravidez com a manifestação da sucção digital em fetos. O teste Q de Cochran não evidenciou diferenças significativas entre os sinais de sucção digital em fetos e a instalação do hábito em recém-nascidos. CONCLUSÃO: A ultra-sonografia é um método importante para a observação de sinais de sucção digital em fetos. Esses sinais não implicam hábito bucal após o nascimento.
RESUME
OBJECTIVE: To observe digital sucking or hand sucking habits in fetuses using ultrasound, to identify pregnancy related factors that influence its appearance and to evaluate the persistence of digital sucking after delivery. MATERIALS AND METHODS: Two ultrasound examinations were performed in 55 pregnant women with 20–24 and 25–32 weeks of pregnancy. Questionnaires were used to evaluate the factors related to pregnancy. In order to verify the persistence of digital sucking, visits to the newborns were performed one week after delivery. RESULTS: Digital sucking was detected in 35 of the 55 fetus studied. Digital sucking in fetuses was not associated with the health status of the pregnant women and the level of pregnancy acceptance. The Q Cochran test showed no relationship between the observation of digital sucking in the fetuses and the development of sucking habit in the newborns. CONCLUSION: Ultrasound is an effective method to observe digital sucking in the fetus. There is no association between prenatal digital sucking and the development of sucking habits after delivery.

DOWNLOAD DO ARTIGO
27220.pdf
 
Seu comentário será analisado pela administração do Artigo Científico.
 


© 2006 Artigo Científico. Todos os direitos reservados. ePrimer    

NaVista WebSites